O Arauto

Photobucket

segunda-feira, julho 10, 2006

Taag canta de galo para MPLA ver

O presidente do Galo Negro quis, há cerca de uma semana, deslocar-se a Malange para realizar uma actividade político-partidária. Porém, contra todas as expectativas e ao arrepio do que havia programado, Isaías Samakuva viu-se impedido de realizá-la por a Taag (Linhas Aéreas de Angola) ter (de forma estranha, ineplicavel e sucessivamente) adiado o voo para àquela região do País.
A UNITA já ripostou denunciando que a não ida de Isaías Samakuva a Malange criou, como era de esperar, constragimentos no seu programa de trabalho e defraudou as expectaitivas dos seus militantes simpatizantes nas terras da Palanca Negra Gigante.
O porta-voz da Taag, Anastácio Fernandes, veio a terreio não para cantar de galo, mas para dizer que lamenta o sucedido e que não é a primeira vez que se cancela um voo até para cumprir com as regras estabelecidas pelas organizações internacionais de aviação civil.
Pois é! A Taag lamenta e o assunto, pelo que tudo indica, vai ficar por aqui pelo facto de o imprevisto ter acontecido com o presidente da UNITA, Isaías Samakuva.
É que se tivesse acontecido com o presidente do Menos Pão Luz e Água, a esta hora o Presidente do Conselho de Administração (PCA) da Taag estaria a suar às estopinhas devido a comissão de inquério que seria criada para apurar responsabilidades.
Aliás, não precisava de ser com o presidente do Menos Pão Luz e Água. Bastaria que fosse com o relações públicas do cozinheiro do porteiro da Cidade Alta, mas como foi com o presidente do Galo Negro...

2 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial